terça-feira, abril 10, 2007

Porque sou do contra...


Nota: Este cartaz foi devidamente licenciado pelo Leite Condensado às Colheradas.

Assim evitei que:

- Os funcionários dos serviços camarários tivessem que trabalhar a um feriado;
- Os funcionários dos serviços camarários recebessem as horas extraordinárias por trabalhar num dia de feriado;
- A Câmara procedesse à remoção do cartaz, pelas suas próprias expensas (porque o assunto era gravíssimo e não poderia esperar que os autores o fizessem, à sua custa);
- Os Gato procedessem à remoção do cartaz, isto se tivessem sido devidamente notificados pela câmara para o fazer (E sanação do vício, não? Remove-se logo assim e pronto?)
- O Salazar esfregasse as mãos de contente pelos seguidores que ainda se encontram nos redutos de poder;
- Os responsáveis pelo Pelouro do Espaço Público da CML fizessem figuras de idiotas;
- Os imigrantes continuassem na ignorância e acreditassem que iriam ter um futuro próspero em Portugal;
- Os imigrantes tivessem que levar com o Alberto João, a Linda Reis e a Floribella.

Quem salvou o dia, quem?

2 comentários:

Jorge disse...

Foste tu gloriosa, foste tu.

Morsa disse...

Nice...

Voltarei!

Beijinhos