sábado, junho 27, 2009


Hoje dei por mim com vontade de fazer malas. 

Com saudades de arrumar uma mão cheia de coisas essenciais (ou não), de dizer adeus, apanhar um avião e apreciar o deixar tudo para trás.

Passei a tarde a sentir falta das ruas e dos cheiros, a recordar os meus tempos de Barcelona, agitados, burbulhantes, com poucas horas dormidas e aquele calor que se sentia à noite no festival. Do trabalho frenético interrompido por tapas e copos, às tantas da madrugada, quando reparavamos que afinal não tinhamos jantado.

Dei por isso porque, efectivamente, quando me apercebi estava a retirar a mala do armário. A inspeccionar a etiqueta do último voo que por hábito só arranco na saída seguinte.

Gosto pouco destes meus desejos de fugir.

Ainda assim, a mala está ali ao lado.

6 comentários:

Ana disse...

A necessitar de vacances?

volteface.book disse...

Pois tenho um escrito dedicado às grandes mudanças. E que é bem real. Compreendo-te bem.
Mesmo borbulhante, if you know what I mean.

Kitty Fane disse...

Eu também tenho o hábito de só arrancar a etiqueta no voo seguinte. :-)

ClaudiaMar disse...

És livre. Voa. (O meu vôo é exactamente daqui a 78h13m)

micromacropuzzle.blogspot.com

Werinha disse...

e se...não tiveres uma etiqueta dessas, porke nc foste pa lugar nehum no avião??:(:(:(:(:(

Alexandra disse...

Ana,

Sim!

volteface.book,

Não preciso de grandes mudanças. A minha vida é um chorrilho de grandes mudanças. Apenas descançar.

Kitty Fane,

Adoro fazer isso e detesto se, por alguma razão, arrancam a etiqueta.

ClaudiaMar,

Boa viagem!