sexta-feira, abril 17, 2009

A queimar as últimas, esta semana romântica

Chegou à porta e seguiu o ritual de sempre.

Pousou o saco, encostou o chapéu de chuva ao canto.

Abriu a carteira, enfiou a mão tacteando cada objecto.

Caixa dos óculos... não. Porta moedas... não. Não ao telemóvel, ao kit de maquilhagem, ao ipod, ao Molesquine...

Procurou... remexeu. Nada.

Agacha-se, pousa a carteira no chão e começa a retirar os objectos que deitava a mão, um a um.

Baton do cieiro, ganchos para o cabelo, lenços de papel, esferográfica, lanterna, Trifene, telemóvel... Não.

Nada.

Senta-se no chão e prossegue a busca, agora com menos paciência.

Remexe, os objectos tilintam.

Procura e procura. 

Já desesperada.

Desolada.

Mas nada.

Por mais que remexesse.

Não encontra.

Naquela carteira não.

Nada!

Nem uma ponta do romantismo.



6 comentários:

Anónimo disse...

Esta semana foi do camandro!

Textículos disse...

Muitas vezes não se encontra onde procuramos!

Num registo diferente, de manhã reencontrei um objecto que julgava perdido no mais improvável dos sitios!

Para a semana corre melhor!
__
Textículos

Alexandra disse...

Anónimo,

Se foi!

Textículos,

Exactamente!

Esta correu muito bem!

GuroZen disse...

Eu tambem não encontro... ultimamente não encontro em lado nenhum.. Dizem que se encontra quando menos se espera..
Boas Danças!
Bj

Anónimo disse...

acho que já deixei de procurar, nem sei se é por ter encontrado ou por nunca ter procurado!

Alexandra disse...

Gurozen,

O romantismo? Já tentaste levar um "quer fror" para casa?

Obrigada!

anónimo,

(Isto dos anónimos está ficar recorrente)

Acabei de fazer um post assim...