quarta-feira, junho 13, 2007

Rebanhos

A menina Tita passou-me um "meme". Não a espécie lãzuda, como alvitrou a Picas.

"meme é um «gene cultural» que envolve algum conhecimento que passas a outros contemporâneos ou aos teus descendentes. Os memes podem ser ideias ou partes de ideias, línguas, sons, desenhos, capacidades, valores estéticos e morais, ou qualquer outra coisa que possa ser aprendida facilmente e transmitida enquanto unidade autónoma."

Definição Wikipédia aqui.

Que responsabilidade! Tanta informação, tanto conhecimento que tenho para passar a esta blogolândia... Meu Deus, que escolher?

Cá vai...

(Tambores)

Não comas leite condensado com os dedos que ainda te cortas na lata.

Ok, ok... Antes de reclamarem, fica este.

Utilizar mesmo nas condições mais adversas (Se bem que com o outro evitam trabalhos maiores, sangue a escorrer pelo lava-loiça, idas ao hospital, pontos, pensos, àgua oxigenada e nojeira de sangue pela cozinha, qual cenário do Psico...).

Agora, desculpem lá, não vou nomear ninguém. Quem quiser continuar o desafio que continue, que isso de passar, transmitir, propaguear é obra de doenças. Blerghhhh!

7 comentários:

Anónimo disse...

Meméeeeee!!!(by Picas)

Hugo M. disse...

Sorriso Caras e photoshop?

Rita disse...

Realmente,

É mesmo a tua cara. Primeiro o leite condensado, está claro.

Depois essa extraordinária capacidade de ver a vida sempre pelo lado positivo.

Adoro-te, miga!

Curiosa disse...

Com esta descrição toda é porque já te aconteceu. Diz lá, hum?
É que a mim já e foi terrível. Cada vez que penso nisso fico arrepiada!
Que duas doidas por 'leche condensada'!!!
E a propósito, porque será que ainda não existem as bisnagas de leite cond. como há em Espanha???
Tenho de perguntar esta ao dirº da Nestlé que é meu amigo!
Nham, nham... Pronto, lá vou eu ter de ir a correr à despensa e abrir uma latita, eheheh!
Kiss

Alexandra disse...

Já me cortei várias vezes mas exagerei um bocadinho... Também já me aconteceu, mais que uma vez, cortar-me (vergonha) na língua... Ohhh, vicío desgraçado!

Cá já existem as ditas bisnagas. Na Venezuela, as mães mandavam bisnagas de leite condensado aos filhos para o lanche na escola... Dou graças por serem raras de encontrar porque isso de andar com leite condensado portátil é um estrago!

Para mim, se não for comido directamente da lata perde metade do encanto...

Alexandra disse...

Picas... e o kit kat????

Hugo, pois claro... esse é um bom lema de vida mas para a Lili Caneças.

Rita,

I love you to. Mas não digas essas coisas, que me envergonhas frente à blogolândia e depois ainda me gozam e deixam fora das brincadeiras!

Maria Ostra disse...

:D