sábado, abril 21, 2007

Cão???

Não!!!

O melhor amigo do homem é o

7 comentários:

Paula disse...

Mas o que é que andaste a fazer mulher?????

Gosto muito do teu blog. Boa disposição às colheradas! Tenho é saudades dos teus emails. Daqueles em que ora nos chamas de alforrecas da tua comichão ora nos apelidas de alfaces fresquinhas e coisas assim. São o meu sorriso de bom dia!

Anónimo disse...

Esta agora toma banho em voltarene e ozonol. Provavelmente, é falta de sol.

Leva as mãos às cruzes, queixa-se como uma velha raquítica e que já viveu demais para o seu tempo. Conduz a vida aos tropeções mas com vigoroso alento.

Da pomada à morfina é um passo. Tens pinta de heroína mas qualquer dia é a heroína que se apossa de ti.

Drogada, flagelada, do leite condensado és escrava. E das palavras.

Qualquer dia és um desastre humano ambulante. Em busca do nada, és uma singela feirante.

Corre, minha linda, corre. Na vida, nas estradas, nos estádios. Foge.

Quando menos esperares, estarei à espreita. Levas a música alta e nem suspeitas.

Nem todos os campos têm gente. Há caminhos, há trilhos, percursos sozinhos. Sozinha não escapas.

Alexandra disse...

Paula,

Muitas baldas às aulas de Hip Hop e depois o regresso dá nisto. Obrigada. Mas os emails são para esquecer nos próximos tempos. ;-)

Anónimo,

Não só tens um péssimo jeito para as rimas como esse comentário sofre de falta de gosto tremenda.

Poucos são os que conhecem a minha rotina por isso não será difícil descobrir quem és.

Seja brincadeira ou não, esta tua diarreia verbal não te leva a lado algum. Esconderes-te atrás do anonimato revela a tua coluna vertebral ausente. Serás uma alforreca?

Maria Strüder disse...

Neste momento o meu melhor amigo é o Vicks que me possibilita poder continuar a respirar e assim viver já que estou com uma gripe nojenta em cima

Tuxa disse...

Quando o corpo esta parado muito tempo, lembra-nos que tudo o que fazemos tem um preco!
Recomecei tambem ha uns tempos com actividade fisica mais intensa e nos primeiros dois dias nem rir conseguia sem dor!

O que vale e que passa e depois nos sentimos muito melhor na nossa pele!
Bjs

Alexandra disse...

Maria,

As melhoras! ;-)

Tuxa,

Se parasse de fazer exercício, dava-me uma coisinha má!Sou uma dessas dependentes e viciadas que vai ao ginásio todos os dias, faça sol, chuva ou haja um terramoto...

Eu a pensar mal das minhas baldas ao Hip Hop mas ontem soube que até o nosso "professor" anda munido de Ozonol. Aquelas coreografias... Qualquer dia sou uma contorcionista chinesa! ;-)

Jorge disse...

Estás toda podre. É do álcool!